top of page

A UniSer no II Seminário Luso-brasileiro de Inovação e Envelhecimento Humano, na Saúde Conectada.

Atualizado: 14 de jun.

As novas tecnologias e sua aplicação no tratamento de idosos foram o principal tema do “II Seminário Luso-Brasileiro de Inovação e Envelhecimento Humano na Saúde Conectada”. O encontro foi realizado entre os dias 11 e 13 de junho, em Lisboa, Portugal.



A coordenadora da Universidade do Envelhecer (UniSER - UnB), professora Margo Karnikowski, em sua apresentação, falou sobre a necessidade de toda a sociedade de proporcionar o envelhecimento ativo e aprender a envelhecermos juntos. “As próprias pessoas não aceitam que estão envelhecendo”, disse ela.



Afirmou ainda que é necessário um diálogo constante entre universidade, governo e empresas privadas, além de ONGs. “Não podemos reduzir o atendimento a teleconsultas”, enfatizou. Para ela, é importante também que seja dado acesso aos sistemas de informática aos idosos. “Precisamos motivar as pessoas a aprender tecnologia”, ressaltou, sob pena de elas ficarem cada vez mais isoladas.



O professor doutor Antônio Bonacaro, professor de Enfermagem e estratégias de ensino na Universidade de Parma, falou sobre a plataforma E-Health que abrange todos os conceitos de medicina. A telemedicina “pode promover um melhor serviço e formas de chegar aos pacientes”. Para ele, longevidade traz a oportunidade de vivermos com mais qualidade e dignidade. A E-Health pode ser muito eficaz no combate à solidão “que vai chegar a todos”. Outro objetivo é fomentar a independência dos idosos com plataformas digitais mais acessíveis. Ele destacou que é necessário incluir a I-Health no currículo das universidades. “Precisa humanizar o atendimento e digitalizar alunos e profissionais da área, além do trabalho em equipe”.


Projeto Cassius


O doutor destacou o projeto “Cassius”, que está sendo desenvolvido no Reino Unido. O objetivo é ter uma boa qualidade de atendimento sem que o paciente precise sair de casa, para que vivam uma vida independente e serena. Para isso, disse, estão sendo utilizados todos os recursos possíveis da tecnologia - webcam, Alexa e telemonitoramento, entre outros.



A “Sustentabilidade e a Pessoa Idosa” foi o tema abordado por Michele Alves, responsável na UniSER por este setor. As aulas práticas na fazenda da Universidade de Brasília trazem a oportunidade dos estudantes participarem de perto destas atividades.


Foram apresentadas ainda várias experiências e projetos que estão sendo desenvolvidos nas universidades.



O professor Antônio da Fonseca, da Universidade Católica do Porto, Portugal, falou sobre o projeto “Aging in Place”. Outra experiência importante para a melhoria do atendimento aos idosos.



A professora Camila Alves abordou experiências inovadoras e os diferentes medicamentos que podem ser utilizados.


Assista ao evento completo: (https://www.youtube.com/live/ne9IxzYPjjI?feature=shared).


Por Mônica Tavares - Registro n° 504.

Coordenação: Gilberto Amaro.

Publicação e Edição: Nayara Veras.

Revisão Jornalística: Mônica Tavares.

Fotos: ciu.uniser.


38 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page