Projeto da UniSER/ UnB disponibiliza lives sobre o COVID-19 voltadas para comunidade idosa

Com o objetivo de contribuir para que os idosos enfrentem da melhor forma a pandemia do COVID-19, a Universidade do Envelhecer (UniSER) lança o Projeto Ação: O contributo da UniSER em tempos de pandemia. A iniciativa possui três importantes ações educativas desenvolvidas por meio das tecnologias digitais para minimizar os possíveis efeitos negativos do isolamento social ocorrido em decorrência do COVID-19: aulas online ao vivo, posts de material informativo e cartilha digital de combate ao vírus.

 

Ministradas por professores doutores, mestres e especialistas nas mais diversas áreas, as aulas online abordam temas como saúde mental e física, alimentação saudável, o Covid-19 e suas consequências, hábitos de higiene em tempos de pandemia, arteterapia, fake news e muitos outros. O bate papo interativo, ao vivo, acontece via Facebook de segunda a sexta com duração de 1 hora, sempre com início às 15 horas.

A postagem de material informativo nas redes sociais da UniSER acontece todos os dias, incluindo fins de semana. Após a realização das lives, todo o material é postado no canal do Youtube. Além disso, o grupo de pesquisadores vai produzir uma cartilha digital educativa que abordará de forma lúdica e leve os hábitos saudáveis e a forma correta de enfrentar a pandemia.

Apesar de ter como público alvo os idosos, o conteúdo disponibilizado serve a toda comunidade interessada em se informar em relação ao COVID-19 e por isso fica disponível para toda a população. 

A Coordenadora geral da UniSER, professora Drª Margô Karnikowski, ressalta a importância do projeto. “A disseminação de informação de qualidade, por meio de fontes confiáveis, é o caminho para que todos possamos contribuir com o enfrentamento da pandemia. Só unidos venceremos essa situação e por isso é importante que cada um faça seu papel da maneira que puder.”

Breve Histórico da Universidade do Envelhecer
Já foram formados mais de 600 idosos em Brasília e atualmente existem 5 (cinco) unidades no Distrito Federal distribuídas nas seguintes cidades: Candangolândia, Taguatinga, Estrutural, Samambaia, Ceilândia, Asa Norte e Guará. Em média, cada unidade, possui 70 alunos acima dos 45 anos de idade.

Mais informações: Dayanne Timóteo: 9-9225-3621 (tel e whatsapp)